quarta-feira, junho 28, 2006

Fazer confiança

Talvez decidir não exista na realidade. Talvez seja apenas uma convenção que utilizamos para abrir campo a um dos mais vibrantes sentimentos humanos: a confiança. Confiar é real, é verdadeiro. E é a verdade de que precisamos agora. Confiar-te, confiar em ti. Neles. Neles, plantados naquele caminho que desenham numa decisão que é tão deles.

1 comentário:

AF disse...

poder-se-ia acrescentar - o possivel numa liberdade rodeada de mar por todos os lados?