quinta-feira, novembro 30, 2006

Notícias acabadas de chegar do outro lado: "Estamos bem, esperamos por todos mas não tenham pressa. PS: Tragam roupa quentinha." Miguel Costa

5 comentários:

Anónimo disse...

Que saudades!! Vou guardar no meu coração o teu rosto feliz...esta imagem. Cláudia, como te disse no último mail: diverte-te e tira fotos giras! Aqui na tua "casa" respiramos as boas recordações: o teu sorriso, o teu humor...

Li Ya disse...

Então estás aí... Malandra... :)
Fico que feliz por te ver animada. E já escolhi. É esse sorriso traquina, esse mesmo, nesse cenário azul, que vou congelar na memória, custe o que custar.

Mas oh Zézita... E os pinguins???Sei que reclamámos muito da outra vez, e que passado as primeiras 320 fotos dos ditos cujos já estávamos a hipeventilar, mas, sabes... o que eu não dava para me mostrares só mais uma foto...
só mais uma...

Sérgio E. disse...

Ninguém me convence de uma coisa: é que nós nunca morremos. A memória é um modo ad aeternum que nos faz reviver vezes sem conta nas marcas que deixamos nos outros. Confesso que não conhecia a Zé, em pessoa, apenas do blog e de referências por terceiros, mas muito mal. Tenho pena, por mim, de não a ter conhecido porque teria sido por certo uma mais valia na minha vida o facto de a poder ter conhecido, como não posso deixar de concluir por todos os emails ao longo do blog e pelos textos dela. Deixo os meus pêsames aos amigos da Zé, sei que a dor é sempre imensa, mas acreditem, muito menor que as memórias que ficam, essas prevalecerão sempre sobre a morte.

Ficam palavras de Sophia, que tão bem soube escrever sobre o que fomos, o que somos e o que seremos:

O poema me levará no tempo
Quando eu já não for eu
E passarei sozinha
Entre as mãos de quem lê
[...]
Mesmo que eu morra o poema encontrará
Uma praia onde quebrar as suas ondas.

Thiago disse...

Obrigado por partilharem esta foto. Uma imagem da nossa Zé que nunca esquecerei e que acompanhará as imagens que guardei do DN e dos cafés na Confraria do Marquês.

mafalda disse...

olá maninho...a esta altura já devias cá estar mas kiseste aí ficar com os teus pinguins...um pedaço de mim está contigo...bjs da mafalda