quarta-feira, dezembro 21, 2005

Basílica dos Mártires

Tive que descer ao Chiado e aproveitei para entrar na Basílica dos Mártires. Foi restaurada, pintada. Movimento de turistas, de fiéis, de curiosos. Sento-me na última fila. E encomendo uma pequena viagem pelos lugares onde fui, sou, serei. Aquela pedra faz-me bem. Mando uma mensagem a uma amiga. Na resposta diz-me que também, muitas vezes entra numa igreja à procura de arte e acaba por se encontrar com ela mesma. A arte que interessa.

1 comentário:

guardião da cidadela disse...

adorei cá vir...e vejo que tem nos links a barca de lyra...

parabéns não só pela qualidade do blog mas pela longevidade.