quinta-feira, março 22, 2007

21 de Março

A noite da poesia. Gostei especialmente dos poemas de Maria do Rosário Pedreira. E da maneira como os leu. Eu apaixonei-me sem esforço por aquela voz. A de Pedro Sena-Lino também me ficou a dançar no ouvido. De Mexia gostei muito de um poema curto, que em boa hora o editor o convenceu a seleccionar. E do redondo vocábulo de João Afonso. De reencontrar amigos amigos. E de os cruzar.

3 comentários:

M em Campanhã disse...

inveja do vosso sul

sete e picos disse...

(o redondo vocábulo é do josé afonso, embora possa ter sido cantado pelo joão afonso)

JPN disse...

claro. mas creio que o espectáculo tinha o nome da canção do José Afonso. pelo mesno foi assim que o vi anunciado.